sábado, 19 de dezembro de 2009

O cheiro de Deus

Antes de dormir tenho o costume de orar.
Um dia desses depois de orar, me veio um pensamento em relação ao cheiro das coisas, das pessoas, cheiros que nos trazem lembranças.
Comecei a recordar o cheiro dos cabelos da minha irmã(pequena) quando acordava, eles tinham cheiro de leite.
Lembrei do meu ex-vizinho, menino travesso, gordinho, que vivia correndo, tinha cheiro de suor.
Do cheiro de giz, e de massinha, da escola primária.
Do cheiro dos animais que tive, a minha cachorra Léssie, da coelhinha Xuxa e do meu gato com mútiplos nomes (porque cada um chamava ele do que queria, eu e a Kety chamava de Binks, minha mãe de Chaninho, e o meu irmão (Yuri) o chamava de simplesmente, Gato).
Do cheiro do mar, quando eu tinha uns 14 anos, e andávamos no calçadão da praia: eu, minha irmã (Kety) e a minha prima Thaynara.
Do cheiro do perfume Petit que a minha bisavó Matilda usava.
Do cheiro de livro novo.
Do cheiro de madeira, dos bancos igreja que eu frenquentava.
Do cheiro da cachoeira que percorri KMs de trilha para chegar.
Do cheiro das árvores abundantemente presentes nas ruas de Araçatuba.
Do cheiro do churrasco que o Tio Zé Carlos, que eu almocei, na varanda de sua casa, debaixo de um pé de limão (acho).
Do cheiro de coca-cola do acampamento que fui esse ano.
Tem outros cheiros, mais específicos, de pessoas importantes que passaram pela minha vida.
Depois de recordar todos esses cheiros, me veio uma questão em mente, Deus está tão presente na minha vida, então qual é o Seu cheiro?
Passei dias refletindo nisso, fui na bíblia on line, pesquisei todos os lugares na bíblia onde mencionava algum tipo de cheiro. Encontrei no antigo testamento as ofertas queimadas que eram de aroma agradável ao Senhor; de manjares(Levítico 2), de holocausto de animais (Êxodo 29).
Então, lembrei da musiquinha que ensaiei, quando pequena, que era assim:
"O sol nascente bem cedo aquece o dia,
cantam passarinhos,
manhã dourada,
Maria desolada.. leva seus perfumes."
Esse trecho retrata a manhã que a Maria foi levar os perfumes, como de costume da época, para passar no corpo de Jesus morto. Como nós sabemos, o corpo não estava lá, porque Ele havia ressucitado, como O Próprio tinha anteriormente previsto.
Jesus foi o Cordeiro vivo, filho de Deus, e enviado por Ele para nos livrar do pecado da morte (Romanos 8).
Jesus foi oferta e sacrifício a Deus, em aroma suave ( Efésios 5. 2)
E Deus nos vê através d`Ele, portanto, somos para com Deus o bom perfume de Cristo  (2 coríntios 2.15).
Digitei, digitei e digitei e não digitei a resposta da pergunta feita.
É como descrever o céu para uma pessoa que nasceu cega.
O cheiro de Deus (se pode ser descrito), é o cheiro de paz, de vida, é o cheiro que você sente quando está em Seus braços, o cheiro de conforto, de esperança. Estava na igreja domingo passado, e pude sentir o Seu cheiro, meio confuso no cheiro do perfume das irmãs (risos), mas consegui sentir.

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Se os tubarões fossem homens


 Hoje vi no noticiário televisivo o Prêmio Nobel da Paz dado a um homem que acha que a violência é a solução contra a violência. Vocês conseguem comparar-lo com Martin Lutter King? A pessoa que ele usou o discurso "I HAVE A DREAM", e que ganhou o Nobel em reconhecimento à sua liderança na resistência não-violenta e pelo fim do preconceito racial nos Estados Unidos. Barack Obama vai mandar mais 30 mil soldados a guerra no Afeganistão. Essa guerra já custou a vida a 929 soldados. Ele diz que é contra  violento extremismo praticado pela Al-Qaeda [...], não entendo como um cara "digno" de um Nobel não hesita em gastar dinheiro e soldados com guerra.  O mundo está cada vez mais insano! Erraram o nome do prêmio dado a Barack Obama, seria mais adequado Prêmio Nobel da Estupidez!
Esse texto a seguir foi usado em uma das questões do Enem 2009, essa eu acertei!

 Se os tubarões fossem homens, eles seriam mais gentis com os peixes pequenos?
 Certamente, se os tubarões fossem homems, fariam construir resistentes gaiolas no mar para os peixes pequenos, com todo o tipo de alimento, tanto animal como vegetal. Cuidariam para que as gaiolas tivessem sempre água fresca e adotariam todas as providências sanitárias.
 Naturalmente haveria também escolas nas gaiolas. Nas aulas, os peixinhos aprenderiam, por exemplo, a usar a geografia para localizar os grandes tubarõesdeitados perigosamente por aí. A aula principal seria, naturalmente a formação moral dos peixinhos. A eles seria ensinado que o ato mais grandioso e sublime é o sacrifício alegre de um peixinho e que todos deveriam acreditar nos tubarões, sobretudo quando estes dissessem que cuidavam de sua felicidade futura. Os peixinhos saberiam que este futuro só estaria garantido se aprendessem a obediência.
 Cada peixinho que na guerra matasse alguns peixinhos inimigos seria condecorado com uma pequena Ordem das Algas e receberia um título de herói.

Texto: BRECHT, B. Histórias do Sr. Keuner. São Paulo: Ed. 34, 2006 (questão do enem, adaptada)
Imagem: luv2hateu.wordpress.com

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Hoje muitos choram.


Antes de ontem fui gravar dois programas de auditório na Record. Saindo daqui do litoral é mais ou menos 1h30min, para chegar lá na Barra Funda, onde é o estúdio. Normalmente quando viajo sempre acabo dormindo, até mesmo porque sinto enjoo se ficar olhando as coisas passarem pela janela. Mas em um farol, já em São Paulo, era até perto da 25 de março, em baixo de um daqueles edifícios vazios, talvez condenado, com janelas quebradas, cheio de pixações, observei dois mendigos dormindo no meio daquele caos, uma terceira pessoa chegava, era uma mulher, com suas roupas rasgadas, seus cabelos despenteados, uns colegas da agência de modelos com quem fui até brincaram, olha lá... essa daí deve ser da agência "tal" ( uma concorrente), não gostei dessa brincadeira, e continuei observando essa mulher, estava sem óculos, sou muito cega sem ele, mas consegui ver as lágrimas caindo dos seus olhos, imediatamente senti a tristeza dessa mulher. Milhares de pessoas passam por ali todos os dias, afinal, é uma das principais avenidas.
Nesse mesmo dia, ainda em Sampa, já na Record, tinha uma menina aparentemente de uns 20 anos que estava sentada na mureta da ponte, me virei, depois vejo o médico da Record nervoso, porque ele viu essa menina se jogar de costas e de braços abertos na hora em que o metrô passou.. o metrô parou esse médico chamou a ambulância... mas teve uma pessoa lá da emissora que foi lá e tirou foto, e o corpo dessa garota estava mutilado. Foi muito triste.
Tanto os mendigos, como os suicídas, são pessoas doentes psicologicamente, na maioria das vezes narcóticas,  sem Deus, desiludidas, creio que pessoas que chegam a tal ponto, são pessoas que desistiram dos seus sonhos, se deixaram ser vencidas. Os mendigos ainda teem salvação, estão aí nas ruas "vivos". Sonho um dia poder fazer algo para ajudar a humanidade. Como já escrevi em uma postagem (Mais de 1 bilhão de pessoas passam fome no mundo) , eu acho que todos os seres humanos deviam ter o direito a alimentação, educação, saúde... mas o mais importante de tudo é conhecer o amor de Deus para conosco, com Deus é mais fácil de viver, Ele nos ajuda, com Ele nossa emoção está protegida, enchergamos a luz no fim do túnel.
Sejamos mais humanos, amemos nosso próximo... aquele próximo depois do vidro.

Imagem: Quero Justiça Social

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Ó beleza! Onde está tua verdade?

Ó beleza ! Onde está tua verdade?
Inicio e titulo este texto com essa sincera frase de Shakespeare porque é resumo do que penso sobre a beleza. Lembro-me quando minha irmã tinha 12 anos e ela disse ter composto "A música", o nome dessa música era "Beleza Transitória". Esse fato foi cômico, ela dizia ser sua obra-prima, era realmente muito bonito o conteúdo. Ela ofereceu pra um amigo que tinha uma banda, ele falou que era legal, então ela disse: - Custa 1000 reais. Foi mega engraçado, e realmente ela estava convencida de que era a melhor música do mundo. Não sei onde foi parar essa música, talvez em alguma gaveta esquecida, mas ainda não é o assunto principal dessa postagem.
Já citei algumas vezes trechos dos livros de Augusto Cury, para mim é quase que inevitável, porque seus pensamentos se encontram com os meus, e por ele ser mais vivido, suas idéias são mais concretas. Depois de Jesus, e o livro sagrado (Bíblia), é quem mais me influencia, com suas idéias que partem também do estudo da vida e inteligência de Cristo.
Num trecho do livro O Vendedor de sonhos, ele fala sobre a evolução da mulher; a mulher conquistou o direito de voto,  começou a brilhar no mundo acadêmico, cresçer no mundo corporativo, se tornou cada vez mais ousada. Com eficiência, começaram a mudar algumas áreas vitais da sociedade, a introduzir tolerância, solidariedade, companheirismo, afeto e romantismo.
Mas o sistema não nos perdoou pela audácia.
Preparou para nós a mais cafajeste e sorrateira das armadilhas. Em vez de exaltar nossa inteligência e notória sensibilidade, começou a exaltar o corpo feminino como nunca antes na história. Usou exaustivamente  para vender produtos e serviços. Aparentemente nos sentimos bem-aventuradas. Parecia que as sociedades modernas estavam querendo compensar milênios de "rejeição". Ingênuo pensamento.
- Quando as mulheres se sentiam no trono do sistema masculino, o mundo da moda nos aprisionou no mais sutil estereótipo!
Hoje em dia vemos várias garotas em luta constante contra a balança. Hoje tive notícia de uma garota de uma cidade visinha, com dezesseis anos que morreu por excesso de ingestão de anabolizantes. Num dos depoimentos, uma das amigas disse como ela era antes, era magrinha, sem muitas curvas, por isso, insatisfeita, começou a malhar, ingerir anabolizantes, teve mudanças na voz, por causa da testosterona.
Nunca encontrei nenhuma mulher que falasse EU SOU BONITA, mas com profunda sinceridade. Mas nos olhamos no espelho e dizemos: - Eu sou mais bonita do que aquela menina ali. Eu sou magrinha, mas acho as gordinhas tem um algo a mais, não falo das gordurinhas, mas uma graça a mais. Muitas vezes me pego insatisfeita com alguma coisa na aparência, mas sei que isso é uma mentira! Sou perfeita, tenho dois braços e pernas, 10 dedos no total, mesmo os que não teem, não devem se inferiorizar, se tem uma coisa que me deixa mais feliz é quando vejo alguém que supera suas limitações, exemplos é o que não falta, é só olhar ao redor.
Creio que como os séculos passados foram marcados por acontecimentos, o nosso século, será lembrado pela extrema exaltação do corpo feminino (isso se Jesus não voltar antes).
Imagem

O Construtor de Pontes

                   

Dois irmãos que moravam em fazendas vizinhas, separadas apenas por um riacho, entraram em conflito. Foi a primeira grande desavença em toda uma vida de trabalho lado a lado. Mas agora tudo havia mudado. O que começou com um pequeno mal entendido, finalmente explodiu numa troca de palavras ríspidas, seguidas por semanas de total silêncio. Numa manhã, o irmão mais velho ouviu baterem à sua porta.
- Estou procurando trabalho, disse ele. Talvez você tenha algum serviço para mim.
- Sim, disse o fazendeiro. Claro! Vê aquela fazenda ali, além do riacho? É do meu vizinho. Na realidade do meu irmão mais novo. Nós brigamos e não posso mais suportá-lo. Vê aquela pilha de madeira ali no celeiro? Pois use para construir uma cerca bem alta.
- Acho que entendo a situação, disse o carpinteiro. Mostre-me onde estão a pá e os pregos.
O irmão mais velho entregou o material e foi para a cidade.
O homem ficou ali cortando, medindo, trabalhando o dia inteiro.
Quando o fazendeiro chegou, não acreditou no que viu: em vez de cerca, uma ponte foi construída ali, ligando as duas margens do riacho.

Era um belo trabalho, mas o fazendeiro ficou enfurecido e falou:
- Você foi atrevido construindo essa ponte depois de tudo que lhe contei. Mas as surpresas não pararam ai. Ao olhar novamente para a ponte viu o seu irmão se aproximando de braços abertos. Por um instante permaneceu imóvel do seu lado do rio.

O irmão mais novo então falou:
- Você realmente foi muito amigo construindo esta ponte mesmo depois do que eu lhe disse. De repente,
num só impulso, o irmão mais velho correu na direção do outro e abraçaram-se, chorando no meio da ponte.

O carpinteiro que fez o trabalho, partiu com sua caixa de ferramentas.
- Espere, fique conosco! Tenho outros trabalhos para você. E o carpinteiro respondeu:
- Eu adoraria, mas tenho outras pontes a construir...
Já pensou como as coisas seriam mais fáceis se parássemos de construir cercas e muros e passássemos a construir pontes com nossos familiares, amigos, colegas do trabalho e principalmente nossos inimigos...O que você está esperando? Que tal começar agora !!

Muitas vezes desistimos de quem amamos por causa de mágoas e mal entendidos. Vamos deixar isso de lado, ninguém é perfeito, mas alguém tem que dar o primeiro passo.

Quanto mais amigos tiver, melhor vai se sentir, sabe por que??!!

É bom demais Amar e ser amado é melhor ainda.

Pense Nisso e Construa Pontes ao seu redor.

Recebi este e-mail hoje e achei essa mensagem muito importante, porque atualmente o que mais ocorre entre as pessoas são desavenças. Portanto sejam construtores de pontes!
texto de: Velho Sábio

sábado, 21 de novembro de 2009

Será ele o Judas? e A Reforma Protestante.


Dias atrás estava assistindo a tv cultura (minha irmã diz: -Tv a cabo de pobre!), e esse dia estava passando um documentário sobre a vida de Michelangelo, pintor e escultor italiano da cidade de Florença. Numa certa parte do documentário citou Savonarola, com um certo ar critico, por ter incediado muitos objetos como obras de Boticelli, Michelangelo presenciou as pregações de Savonarola. Curiosa em saber mais sobre esse tal de Savonarola, começei a pesquisar sobre esse homem, prós e contras, depois de muitas informações, tirei minha conclusão. Ele foi um homem que era contra o vício, o crime e a corrupção desenfreada na própria Igreja. Ele teve várias visões, dedicava noites em oração a Deus, e tinha a Bíblia como principal livro de estudo.
O povo de Florença abandonou a leitura das publicações torpes e mundanas, para ler os sermões do ardente pregador: deixou os cânticos das ruas, para cantar os hinos de Deus. Em Florença, as crianças fizeram procissões, coletando as máscaras carnavalescas, os livros obcenos e todos os objetos supérfluos que serviam à vaidade. Com isso formaram em praça pública uma pirâmide de vinte metros de altura e atearam-lhe fogo. Enquanto o monte ardia, o povo cantava hinos e os sinos da cidade dobravam em senal de vitória.
Como todos os que foram contra a igreja católica romana, ele foi enforcado e queimado em praça pública. Cogita-se que Leonardo da Vinci teria retratado Savonarola na sua famosa obra "A Última Ceia" no rosto de Judas Iscariotes.. . Destruíram o corpo desse precursor da Grande Reforma, mas não puderam apagar as verdades que Deus, por seu intermédio, gravou no coração do povo.
Eis alguns precursores da Grande Reforma: Wyclif e os Lolardos, na Inglaterra; John Huss; Os Hussitas, na Boêmia; Arnaldo de Bréscia, Savonarola e os Valdenses, na Itália; Os Albigenses, para cujo extermínio foi criado o sinistro tribunal da inquisição no século XIII.

Dentre os muitos benefícios da Reforma, destacamos:- A absoluta supremacia da Palavra de Deus -
"A Bíblia, toda a Bíblia, e nada senão a Bíblia é a religião dos Protestantes" ;A absoluta supremacia da Graça de Cristo para a salvação do homem. A salvação é pela graça, mediante a fé. Justificação pela fé, somente; o Sacerdócio Universal dos Crentes - direito que todos têm de ler a Bíblia e ir direto a Deus, sem intermediários.

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Reunião na Carpintaria


Esses dias estava ouvindo uma rádio gospel. Nessa rádio diariamente o locutor conta parábolas, como Jesus contava. Contar histórias é a melhor forma de ensinar como diz Augusto Cury em um dos seus livros. O nome da parábola contada nesse dia era "A Carpintaria". A parabola era mais ou menos o seguinte:
Um dia, ao sair da carpintaria o Grande Carpinteiro, as ferramentas fizeram uma reunião. O Martelo era o presidente da reunião, até que uma das ferramentas o indagou:
- Peço que o Martelo renuncie, porque ele é muito barulhento,atormenta os ouvidos com esse toc-toc-toc..
E um coral de ferramentas gritavam:
- RENUNCIE, RENUNCIE, RENUNCIE, RENUNCIE!!!!
E o Martelo foi obrigado a renunciar, mas disse ainda:
- Se eu tenho que renunciar o Parafuso também tem, porque ele fica girando, girando, girando, é muito lerdo, ele deve renunciar também!
E Parafuso renunciou... mas complementou:
- Eu saio mas a Lixa também deve renunciar... ela é muito áspera, desagradável, deve renunciar também!
Ela também teve que renunciar mas não ficou quieta:
- Renunciarei então, mas o Metro também deve renunciar, ele é muito metido, tudo é medido com a medida dele mesmo... muito irritante, deve sair!
Derrepente ouve-se um barulho, era o Grande Carpinteiro chegando, todas as ferramentas tomam seus lugares silenciosamente.
E ele entra com uma madeira velha, e pega o Martelo, o Parafuso, a Lixa e o Metro.
Com essas ferramentas lapida a madeira que sai dali novinha.

A lição que essa parábola nos traz é a seguinte: TODOS temos defeitos mas Ele (Deus) não usa nossos defeitos, mas sim nossas qualidades. Na igreja acontece da mesma forma, TODOS teem suas qualidades e seus defeitos, mas Deus usa o melhor de cada um para fazer sua obra.

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

O futuro da nação.


Dias atrás estava numa lanchonete com algumas pessoas, fizemos o pedido para a garçonete, ela trouxe... sentimos falta do katchup, e eu fui buscar. Quando voltava vi um menino descalço falando alguma coisa na mesa onde eu estava, logo pensei que deveria ser um garoto oferecendo alguma coisa pra vender.. mas, chegando perto vi que ele pedia um copo de refrigerante. Isso me deixou preocupada, porque o que aquele menino estava fazendo ali, sozinho, descalço... Comecei a pensar no que este menino estava passando, e que muitas crianças estão nessa mesma situação. Perdi totalmente a fome, veio uma angustia tão grande que me segurei pra não chorar, porque ali estavam outras pessoas, e isso seria estranho... porque pra eles não tinha acontecido nada. Confesso que estou sensível esses dias. Mas tudo que envolve crianças me deixa muito mais triste do que o comum. Se as crianças são o futuro da nação, então elas devem ser prioridade. Como já postei aqui dias atrás, há um disperdício enorme de dinheiro.
Que Deus abençoe essas criançinhas!

foto

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Um mal da atualidade.

Hoje descobri que sofro de uma "doença", que é muito comum na atualidade. Com a vida corrida, o stress predomina e se propaga em várias pessoas, de várias classes sociais, de diversas raças, religiões e etc...
Na cultura contemporânia é muito comum nos cobrarmos de várias formas, estilo visual, intelectualidade, desempenho no trabalho entre outros (...).
Não temos paciência em esperar acontecer, esperar o carro da frente andar, as filas de banco, a internet quando não tem a velocidade desejada... as vezes não temos paciência nem de escutar o próximo. Começamos a confundir os nossos próprios pensamentos, maquinando coisas que não são reais, sofrendo por antecipação.. enfim, nos enganamos a nós mesmos.
Se você se identificou com o texto acima, saiba que é um bom candidato a ter ansiedade, veja agora alguns sintomas:

  • Fadiga
  • Insônia
  • Falta de ar ou sensação de sufoco
  • Picadas nas mãos e nos pés
  • Confusão
  • Instabilidade ou sensação de desmaio
  • Dores no peito e palpitações
  • Afrontamentos, arrepios, suores, frio, mãos úmidas
  • Boca seca
  • Contrações ou tremores incontroláveis
  • Tensão muscular, dores
  • Necessidade urgente de defecar ou urinar
  • Dificuldade em engolir
  • Sensação de ter um "nó" na garganta
  • Dificuldades para relaxar
  • Dificuldades para dormir
  • Leve tontura ou vertigem
  • Vômitos incontroláveis
Texto produzido por Kety Sarto e Kamila Sarto.

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Crianças e suas questões.


Estavamos eu e meu primo conversando alguma coisa sobre cachorros. Eu tinha uma cachorra chamada Léssie, e ele perguntou:

- A Léssie não teve filhotinhos?
Eu disse:
-Não.
Ele então disse:
- Ah! já sei... pra ela ter filhotinhos ela tinha que ter casado com um cachorro, porque aí Deus podia dar os presentinhos pra ela (os filhotinhos).

Achei isso engraçado, porque nunca pensei dessa forma em relação a gravidez... casamento, ele disse de uma forma mais doce, e não deixa de ser verdade.

Lembrei hoje, da minha decepção, quando aprendi que uma cachorra não podia dar a luz a 101 filhotinhos de uma vez.
Pra quê tanta mentira? podia ter se aproximado um pouco da realidade.

Essa foto peguei na net, muito engraçada a carinha da criança que vê o cachorro sem patas superiores.
(Quero deixar claro que não acho engraçada a situação do cachorro, mas a postagem é sobre a inocência das crianças.)

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Eis que estou á porta e bato.


ESTOU Á PORTA


"Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele" (Apocalipse 3,19). Assim fala o Senhor à Igreja de Laodicéia.

Essas palavras não pertencem ao texto dos nossos quatro Evangelhos, mas, fazendo parte do Apocalipse, pertencem ao evangelho eterno que reúne todas as mensagens que Deus dirige aos homens. Elas não conduzem a um episódio histórico determinado. Exprimem uma experiência que pode ser de ontem, de hoje ou de amanhã, um apelo que, sem cessar, ressoa em meu coração, como em meus ouvidos e me comove.

"Eu estou à porta..." Eu o vi chegar. Ele andava rapidamente. Eu sabia, ou melhor, sentia que ele se dirigia à minha casa, e me retirei, apressado, da janela, para que ele não me percebesse. Porque eu não estava seguro de lhe abrir a porta. Suas visitas provocam em mim uma impressão contraditória. Nós nos conhecemos há muito tempo. Houve época em que éramos íntimos. Depois, nossos encontros se espaçaram. De um lado, eu me senti honrado e feliz de tê-lo em minha casa. De outro lado, eu me sentia mal. Ele provocava em mim questões pessoais, inesperada que agiam como queimaduras em meu íntimo. Eu tratava de levar o assunto para o domínio das idéias e das doutrinas, mas ele voltava sempre para as coisas íntimas sobre as quais eu temia falar. Muitas vezes ele veio e eu, ao invés de abrir, me escondi, não sem remorso e vergonha.

Agora, ele vem à minha porta. Não à porta principal de minha casa, mas uma porta lateral, menor. No começo de nossa intimidade, quando eu não tinha segredos para ele, eu lhe havia pedido para vir sempre por essa porta, deixando a grande porta da frente para os estranhos e as visitas de cerimônia. Depois, comecei a sentir um mal estar por ter-lhe oferecido essa porta. Entrando por ela, ele atravessava os cômodos mais familiares de minha casa, nem sempre arrumados. Parecia interessar-se por minha sala de jantar, minha cozinha, meu quarto. Eu temia que ele descobrisse certas coisas que não eram o que deviam ser. Eu pretextava ocupações urgentes.

Para cortar de vez, condenei a porta lateral, e comecei a fazê-lo entrar pela porta da frente. O tratamento que passei a lhe dar fez com que as suas visitas se tornassem frias, formais, e cada vez mais raras.

Eis que ele chega hoje à porta lateral. Está fechada. Depois que foi condenada, uma vegetação selvagem começou a cobri-la. A fechadura ficou toda enferrujada. Ele para diante da "sua" porta e olha para ela. Será que vai tocar, mostrando que deseja refazer as relações íntimas de outrora? Ele toca. Será que abro? Nada está pronto para recebê-lo. Tudo se encontra em completa desordem. E onde está a chave dessa porta? Ele bate ainda. Eu observo de longe, ele toca suavemente, lentamente. Noto que seu olhar se dirige diretamente em frente, para a porta. Sua expressão é grave, atenta, mas não impaciente. Parece concentrar-se, não sobre a porta e a resposta que lhe darei, mas sobre a graça que o Pai pode inspirar.

Ele continua tocando. "Eu estou à porta e bato". O verbo está no presente. Trata-se de ação repetida continuamente. Que fazer? Não posso viver sem sua presença. Se abro, será que ele vai me fazer questionamentos? Tentarei desculpar-me? Só posso abrir, se me decido a entregar-me a ele, sem condições... Então não haverá problemas... Dirijo-me à porta. Abro-a com dificuldade, por causa das plantas parasitas que ai cresceram.

"Senhor, entre, tu sabes..." Eu ia dizer: "tu sabes, Senhor, que, apesar de tudo, eu te amo!" Mas não ouso continuar a frase, e um soluço me impede a voz. Ele me olha com um sorriso calmo e diz: "eu sei... vou cear com você". Eu me assusto: "Senhor, eu não preparei a ceia; não tenho nada do necessário". Ele responde: "Sou eu que o convido. Eu quero, em tua casa, celebrar a minha Ceia".

(Um monge da Igreja do Oriente)

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

"Mais de 1 bilhão de pessoas passam fome no mundo" diz ONU.


"A FAO estima que 1,02 bilhão de pessoas estão subnutridas no mundo todo em 2009", diz o documento, divulgado na sede da organização, em Roma. "Isto representa mais pessoas com fome do que em qualquer outra época desde 1970 e uma piora das tendências que já estavam presentes antes mesmo da crise econômica."

A situação está muito mais grave do que eu imaginava. 1 bilhão de pessoas representa 1/6 da população mundial.
E nós vemos tanto dinheiro sendo esbanjado, com, guerras, olímpiadas, copa do mundo, carnaval e festinhas de cachorrinhos milionários.
Não sou contra a organização de eventos mundiais esportivos, mas creio que nos sentiríamos muito mais felizes se o dinheiro do nosso país fosse empregado
para ajudar pessoas que passam fome. Eu como ser humano, coloco em primeiro lugar o ser humano.
Como podemos saber que existem pessoas iguais a nós passando fome, o alimento é sagrado, é nosso combustível.
Podem dizer que as Olimpíadas de 2016 vai ajudar no progresso do país e etc., mas vai custar muito aos cofres públicos, especulam que os gastos vão ser de mais de 30 bilhões. No pan especulavam um valor, no fim esse valor foi três vezes maior que o previsto. Imaginem se acontecer o mesmo nessas olimpíadas?

Sei que sou uma sonhadora, metade das coisas que imagino não vão acontecer, mas tenho certeza que metade vai. Nunca vou parar de sonhar com uma sociedade melhor, uma sociedade que tenha acesso a educação, a saneamento básico, a saúde básica e a principalmente alimentação.


Leia mais sobre o assunto:
BBC Brasil: Produção de alimentos precisa aumentar 70% até 2050, diz ONU
Mais de um bilhão de pessoas passam fome no mundo, diz ONU

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Adeus 17!


Ontem passei um bom tempo olhando minhas postagems anteriores, e percebi que em um ano eu mudei muito, a um ano atrás, penso, enchergava o mundo de uma forma que hoje vejo que estava enganada. Muita coisa mudou. Minha fé aumentou.
Essse ano meu blog ficou praticamente abandonado, portanto, não relatei as coisas que aconteceram nos 17 anos da minha vida.

Começando por janeiro, fiz uma viagem inesquecível, eu e minha irmã fomos pra um acampamento em Brotas- SP, foi muito bom, passamos dois dias inesquecíveis. Foi muito bem programado, e uma atenção muito boa, vivemos dois dias intensamentes, me lembro de uma frase que me deixou traumatizada, tal foi: -Vamo bora mulherada!, minha monitora dava esse grito nas horas q eu não aguentava mais tanta atividade, foram muitas atividades, futebol de sabão, caça ao tesouro na noite (com direito a lanterninha), muitas piscinas, um restaurante MARAVILHOSO.

Isso foi uma das coisas que marcaram meus 17 aninhos.
Comecei a trabalhar em março, num restaurante de garçonete. Parei de trabalhar agora em setembro, estava extressada.

Sem dizer que nessa mesma época que trabalhava comecei a fazer cursinho, eu fazia o que podia, mas querendo ou não trabalhar atrapalha quem quer se dedicar nos estudos.

Neste mesmo ano li 4 livros do Augusto Cury, o primeiro NUNCA DESISTA DOS SEUS SONHOS, inspirada nesse livro continuei lendo suas obras: 7 SEMANAS PARA MUDAR UMA VIDA, PAIS BRILHANTES PROFESSORES FASCINANTES e O VENDEDOR DE SONHOS.

Comecei a frequentar a igreja Assembléia de Deus.

Engordei 5 kg, pesando agora 53,4 kg.

Fiz outro cursinho aos sábados, sendo o mesmo meu único dia de folga no trabalho.

8 dias antes de completar a maioridade, fui p/ Rio de Janeiro, fui figurante na malhação, uma experiência incrível, conheci o RIO, Copacabana, as imagens estão aqui na minha memória.

ADEUS 17 ANOS, FOI UM ANO MARCANTE!

BEM VINDO 18 ANOS!

sábado, 10 de outubro de 2009

Comam muito chocolate e Preservem a Mata Atlântica!


Comer chocolate, é importante para a preservação do resto do resto de Mata Atlântica. Agora podem estar se perguntando qual a ligação entre Mata Atlântica e chocolate?
O cacaueiro só sobrevive se estiver plantado abaixo de uma outra árvore, como assim? Para quem já esteve dentro de uma mata, sabe que a luz do sol entra com dificuldade, porque a copa das árvores "tapam". Portanto o cacaueiro deve ser plantado debaixo dessas arvores maiores, para que ele sobreviva e dê frutos, no caso, o cacau.
Como sabemos, o cacau é a principal obra prima do chocolate (dãã).
O cacau foi responsável pela recuperação de 1% da Mata Atlântica (aquela que só tinha 6% do original, portanto, agora 7%), isso quer dizer que se comermos bastante chocolate quem sabe recuperamos mais 1, 2, até mesmo mais 3% do que foi desmatado. A mata Atlântica é o bioma mais rico do Brasil (ou era).
Se você está cumprindo dieta e não pode comer chocolate mas mesmo assim quer participar da recuperação da mata Atlântica, compra e mande pra mim, eu farei esse sacrifício por você!

até a Próxima!

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Bon Jovi no Brasil!


Fiquei muito feliz em saber que, provavelmente no segundo semestre do ano que vem, o Bon jovi vem ao Brasil. Com certeza eu vou, espero isso muito tempo, esse show promete!

Agora em novembro eles vão lançar um novo single We weren´t born to follow, o bom é que por gostar de suas músicas aprendo inglês muito mais fácil.

Eu achei essa imagem um pouco embaraçosa, o Jon sempre coloca o microfone p/ platéia, mas nessa foto deu uma impressão de uma luta de espadas, acho que pode ser uma pouco de imaginação minha. ^^

Beijos e até a próxima!

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

sábado, 25 de julho de 2009

Mapa do meu mundo.

Hoje fiquei muito contente, fui dar uma olhadinha no mapa das pessoas q acessam o meu blog e vi que existem pessoas de muito longe como Alemanha, EUA, Japão, China, Portugal... tem até uma estrelinha perdida no atlântico que nem se sabe o nome do lugar, talvez uma Ilha ou alguém num navio, isso foi maravilhoso! sem dizer as estrelinhas aqui no Brasil mesmo que estão até amontoadas, não que meu blog seja O Blog, mas para um blog de uma pessoa anônima e para quem se cadastrou nesse programa a pouco tempo até que é grandes coisas!
Se você tem um blog eu recomendo esse site para você "rastrear" de qual lugar estão o visitando, www.whos.amung.us, (propaganda grátis rsrs).

OBS: explicando o esquema, as estrelinhas azuis é o lugar de onde as pessoas me visitam.

sábado, 18 de julho de 2009

I Have a dream

O discurso de Martin Luther King, pronunciado na escadaria do Monumento a Lincoln, em Washington, foi ouvido por mais de 250.000 pessoas de todas as etnias, reunidas na capital dos Estados Unidos da América, após a «Marcha para Washington por Emprego e Liberdade».

Eu tenho um sonho (I Have a dream)

..."Digo-lhes, hoje, meus amigos, que apesar das dificuldades e frustrações do momento, ainda tenho um sonho. É um sonho profundamente enraizado no sonho americano.


Tenho um sonho que um dia esta nação levantar-se-á e viverá o verdadeiro significado da sua crença: "Consideramos estas verdades como evidentes por si mesmas, que todos os homens são criados iguais".
Tenho um sonho que um dia nas montanhas rubras da Geórgia os filhos de antigos escravos e os filhos de antigos proprietários de escravos poderão sentar-se à mesa da fraternidade.
Tenho um sonho que um dia o estado do Mississipi, um estado deserto, sufocado pelo calor da injustiça e da opressão, será transformado num oásis de liberdade e justiça.
Tenho um sonho que meus quatro pequenos filhos viverão um dia numa nação onde não serão julgados pela cor da sua pele, mas pela qualidade do seu caractér.
Tenho um sonho, hoje.
Tenho um sonho que um dia o estado de Alabama, cujos lábios do governador actualmente pronunciam palavras de ... e recusa, seja transformado numa condição onde pequenos rapazes negros, e raparigas negras, possam dar-se as mãos com outros pequenos rapazes brancos, e raparigas brancas, caminhando juntos, lado a lado, como irmãos e irmãs.
Tenho um sonho, hoje.
Tenho um sonho que um dia todo os vales serão elevados, todas as montanhas e encostas serão niveladas, os lugares ásperos serão polidos, e os lugares tortuosos serão endireitados, e a glória do Senhor será revelada, e todos os seres a verão, conjuntamente."...


..."Quando permitirmos que a liberdade ressoe, quando a deixarmos ressoar de cada vila e cada aldeia, de cada estado e de cada cidade, seremos capazes de apressar o dia em que todos os filhos de Deus, negros e brancos, judeus e gentios, protestantes e católicos, poderão dar-se as mãos e cantar as palavras da antiga canção negra: "Liberdade finalmente! Liberdade finalmente! Louvado seja Deus, Todo Poderoso, estamos livres, finalmente!"."

Isso foi um trecho de um discurso que foi um dos mais lindos que já li, ele morreu assassinado mas deixou uma linda mensagem ao mundo, foi alguem que fez a diferença, que venceu. Por isso coloquei aqui esse discrso, ele não é do Barack Obama como alguns podem pensar e sim de Martin Luther King.





Fontes: http://www.arqnet.pt/portal/discursos/agosto05.html;
http://sp3.fotolog.com/photo/35/17/120/_pax/1242751622898_f.jpg .

domingo, 24 de maio de 2009

Nunca desista dos seus sonhos.

Nesses últimos dias comprei um livro, este me chamou a atenção por estar relativo ao comportamento da sociedade, coisas que acho que me ajudarão a fazer redações e melhorar minha percepção de como está mentalidade das pessoas do mundo de hoje.
Sem dúvidas eu melhorei muito depois de ler este livro, entendi porque os jovens de hoje estão apenas vivendo o momento, o agora. Eles não teem sonhos, raramente pensam nas consequencias dos seus atos. São movidos por desejos, eles desejam um artigo da moda, dinheiro, etc... são insaciáveis. Mas para sermos felizes precisamos sonhar.

Neste livro o autor Augusto Cury ele menciona a história de grandes sonhadores: J.C., A.L, M.L.K e A.C. Achei interessante ele abreviar os nomes e só no final nós sabermos de quem se trata e ficarmos chocados.
Fica aqui a dica de um ótimo livro para todos lerem pois esse livro nos incentiva a termos sonhos, e sonhar é uma das principais características que nos diferencia do homo bios.
NUNCA DESISTAM DOS SEUS SONHOS.

sexta-feira, 24 de abril de 2009

O que é texto?


Minha Rotina.

Acordar,banho, café, caminhar, trabalho, 12 horas, almoçar, 13 horas trabalho, voltar, casa, internet, banho, caminhar, curso, estudar, casa, pesquisa, computador, livros, café, dormir.

Entenderam? isso é um texto.


As vezes pensamos que para ser um texto precisa ser daquele jeito que estamos acostumados a escrever e a ler em jornais, revistas, internet e etc.

Mas texto não se resume a escrita, texto é uma mensagem que você pode passar de diversas formas, em gestos, em figuras (como na imagem abaixo). Não é necessário que esteja correta a escrita como nesse caso:


Estou postando sobre isso porque tive uma aula explicando esse assunto, eu já sabia algumas coisas, no entanto outras, precisava saber mais.


Essa próxima imagem é uma obra da Tarcila do Amaral (Abaporu), e irei fazer uma leitura dele.

Leitura superficial: suas cores, cabeça pequena, pés grandes, o sol, o cacto.
Esse quadro para mim, significa o homem que constrói o país. Homem rural, que está com suas mãos e pés enchados, de tanto trabalhar. Pegar na enchada. O cacto talvez signifique a pobreza, ou também pode ser o lugar onde essa pessoa reside (nordeste do país). Perceba quanta coisa eu li nessa imagem.

Por hoje é só, até a próxima.

Imagens: http://2.bp.blogspot.com/_fCvXd_2c5ME/Rxz-X4h89oI/AAAAAAAABH4/xclAw8lIgb0/s320/protesto.jpg,
http://revolucao.etc.br/imagens/placa3.jpg,
http://planetin.blogspot.com/2008/01/verdadeiras-obrasdearte-tarsilaamaral.html

sábado, 11 de abril de 2009

Forças do Destino.


Certa vez, liguei minha TV, e estava passando sessão da tarde (TV Globo), isso já faz um bom tempo, e o filme que passava no dia era "Forças do destino", até hoje me lembro de uma frase que estava escrita na parede da lavanderia onde estavam conversando o Ben Affleck e a Sandra Bullock, me chamou a atenção porque eu vi que era verdade mesmo e é uma variação de João 14:6, a frase era esta abaixo:

"Jesus is the truck to God's warehouse."
-> Jesus é o caminhão que leva ao depósito de Deus.
Informações sobre o filme:

Sandra Bullock: Sarah
Ben Affleck: Ben
Maura Tierney: Bridget
Steve Zahn: Alan
Blythe Danner: Virginia
Ronny Cox: Hadley
Directed by: Bronwen Hughes
Writing credits: Marc Lawrence
Produced by: Susan Arnold, Ian Bryce, Donna Roth
Na imagem acima o que fiz foi ilustrar o que imaginei.!

quinta-feira, 26 de março de 2009

Aos Vencedores, as batatas!

Lendo o livro de Machado de Assis; Quincas Borba, retirei esse trecho que acho que é a realidade e é o pensamento humanista.

Princípio de Quincas Borba: “Nunca há morte. Há encontro de duas expansões, ou expansão de duas formas”Explicando de uma melhor maneira, criou a frase: “Ao vencedor, as batatas”, princípio esse que marcou e é o enfoque principal do enredo.-“Supões-se em um capo de duas tribos famintas. As batatas apenas chegavam para alimentar uma das tribos, que assim adquire forças para transpor a montanha e ir à outra vertente, onde há batatas em abundância; mas se as duas tribos dividirem em paz as batatas do campo, não chegam a nutrir-se suficientemente e morrerão de inanição. A paz, neste caso, é a destruição; a guerra, é a esperança. Uma das tribos extermina a outra e recolhe os despojos. Daí, a alegria da vitória, os hinos, as aclamações. Se a guerra não fosse isso, tais demonstrações não chegariam a dar-se. Ao vencido, o ódio ou compaixão.....Ao vencedor, as batatas !”

quarta-feira, 25 de março de 2009

Bridge over troubled water - Ponte sobre aguas revoltas.

Quando você estiver exausta, sentindo-se deprimida
Quando as lágrimas estiverem em seus olhos
Eu as enxugarei todas
Eu estou ao seu lado
Oh, quando os tempos ficarem difíceis
E os amigos não mais puderem ser encontrados
Como uma ponte sobre águas revoltas
Eu me deitarei
Como uma ponte sobre águas revoltas
Eu me deitarei
Quando você estiver chateada e fora
Quando você estiver na rua
Quando a noite descer pesadamente
Eu a confortarei
Eu a ajudarei
Oh, quando a escuridão vier
E a dor estiver por perto
Como uma ponte sobre águas revoltas
Eu me deitarei
Como uma ponte sobre águas revoltas
Continue a viver em brilho
Continue vivendo
Sua hora chegou para brilhar
Todos os seus sonhos estão a caminho
Veja como eles brilham
E se você precisar de um amigo
Eu estarei logo atrás
Como uma ponte sobre águas revoltas
Eu acalmarei sua mente
Como uma ponte sobre águas revoltas

Eu acalmarei sua mente.

TRADUÇÃO: "Bridge over troubled water"
PAUL SIMON & ART GARFUNKEL - 1970
Essa música é A Música, eu penso que é Deus falando comigo, pra mim ela é gospel.!

sábado, 21 de março de 2009

Vagando pela net, encontro o que não pude encontrar (os autores).

"Como eu não tenho o dom de ler pensamentos, eu me preocupo somenteem ser amigo e não saber quem é inimigo. Pois assim, eu consigo apertara mão de quem me odeia e ajudar a quem não faria por mim o mesmo."
desconhecido

"Pensamos em demasia e sentimos bem pouco. Mais do que de máquinas, precisamos de humanidade. Mais do que de inteligência, precisamos de afeição e doçura. Sem essas virtudes, a vida será de violência e tudo será perdido."
desconhecido

"Não preciso me drogar para ser um gênio... Não preciso ser um gênio para ser humano... Mas preciso do seu sorriso para ser feliz."
desconhecido

"Existem 4 coisas que não se recuperam...
A pedra... Depois de atirada!
A palavra... Depois de dita!
A ocasião... Depois de perdida!
E o tempo... Depois de passado!!!!
desconhecido também.

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Provérbio Indígena Americano

“Somente após a última árvore ser cortada.
Somente após o último rio ser envenenado.
Somente após o último peixe ser pescado.
Somente então o homem descobrirá que dinheiro não pode ser comido!!”
Provérbio Indígena Americano

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

A Lenda do Milho

Há muitos anos havia uma grande tribo cujo chefe era um velho índio.

Era um índio muito bom e que estava sempre preocupado com a felicidade da sua tribo.

Um dia, sentindo-se muito cansado e doente, pressentindo que estava para morrer, chamou os seus filhos e disse-lhes que quando morresse o enterrasse no meio da oca. E disse-lhes mais:

-- Três dias depois de me enterrarem, surgirá de minha cova uma planta bem viçosa que depois de algum tempo produzirá muitas sementes. Quando virem a planta crescer e as lindas espigas aparecerem, não as comam, guardem-nas e plante-as.

Os dias se passaram, o velho índio morreu e os filhos fizeram-lhe tal qual o pai ordenara.

E como o velho índio dissera, surgiu de sua cova uma linda planta com belas espigas cheias de grãos dourados.

Os índios ficaram contentes, a tribo enriqueceu e passaram então a cultivar o milho com muito carinho. E assim surgiu o milho, diz a lenda.

achei interessante a lenda, e como gosto de dessa delícia...POSTEI!